De Bobbio a Bernanos

Há boas razões para duvidar que “mais democracia” seja ainda democracia. A democracia não é como um pão, que cresce sem perder a homogeneidade: à medida que ela se expande, sua natureza vai mudando até converter-se no seu contrário. Leia mais...

Partir é viver… ou morrer um pouco!

Neste artigo, Benoît Bemelmans comenta quadro de Abraham Solomon, que retrata a partida da mala postal de Biarritz (País Basco francês), durante o Império de Napoleão III. Leia mais...

O que é cultura?

Cultura não pode ser resumida como um conjunto de hábitos. Se assim fosse, não poderíamos qualificar povos como cultos ou incultos. Leia mais...

True Ouspeak: transcrições de trechos célebres

Neste link torna-se fácil notar os motivos pelos quais o filósofo Olavo de Carvalho comumente desafia e vence toda intelectualidade brasileira. Leia mais...

Inquisição: Mito e realidade histórica

Lendo os autos dos processos inquisitoriais, encontramos bandidos que, surpreendidos pela polícia, inventavam uma motivação religiosa. Por quê? Simplesmente para cair na esfera da justiça da Inquisição e não da justiça civil ou temporal. Leia mais...

Em prol do Estado: todos contra todos!

Se fôssemos socialistas querendo avançar com esse sistema, poderíamos criar a ideia de que, na sociedade, todo mundo é inimigo de todo mundo, afinal, seria necessário que alguém fizesse a arbitragem, e esse alguém seria o Estado. Leia mais...

Eu, o Lápis!

Certa vez, quando me pus a contemplar o miraculoso processo de criação de um lápis, tive aquele lampejo: Aposto que não há uma só pessoa na terra que saiba como fazer uma coisa tão simples como um lápis. Leia mais...

Reciclagem, conservação e sustentabilidade

Na indústria papeleira, 87% das árvores são plantadas para a produção de papel. Isto significa que, de cada 13 árvores que seriam “salvas“ pela reciclagem, 87 jamais seriam plantadas. Leia mais...

Não tenho fé suficiente para ser ateu

Afirmar que o cristianismo persiste por dois mil anos, alicerçado exclusivamente na coluna da fé, é na melhor das hipóteses ignorância; na pior, desonestidade intelectual. Leia mais...

Os quatro cavaleiros do apocalipse

A evolução do Direito e da Democracia, nos dois últimos séculos, tem permitido um certo, mas insuficiente, controle do exercício do poder pelos quatro cavaleiros do apocalipse – o político, o burocrata, o corrupto e o incompetente. Leia mais...

 

Quem ou o que causou Deus?

Dominó

Por Millard Erickson

Há algo de errado com a pergunta “Quem ou o que deu causa a Deus?”.

É um erro de categoria perguntar o que deu causa à Causa Primeira, pois, neste caso, ela não seria a primeira.

A carta

Henri Brispot (1846-1928)

Por Benoît Bemelmans

Neste artigo, Bemelmans comenta quadro do pintor francês Henri Brispot (1846-1928), que retrata um cardeal romano lendo uma carta, enquanto numa atitude respeitosa o frade franciscano que a trouxe espera uma resposta.

Qual a sua cosmovisão?

Cosmovisão

Por Thiago McHertt

Todos temos uma cosmovisão, ainda que, conforme diz Sire, isso seja inconsciente. Por meio do gráfico exposto neste artigo é possível reconhecer algumas das principais cosmovisões partindo do conceito da existência de Deus.

De Bobbio a Bernanos

Cale-se!

Por Olavo de Carvalho

Há boas razões para duvidar que “mais democracia” seja ainda democracia, - ao contrário de um pão, ela não cresce sem perder homogeneidade: à medida que ela se expande sua natureza vai mudando até converter-se no contrário.

Na igreja do diabo

A Igreja do Diabo, de Machado de Assis

Por Percival Puggina

No conto A igreja do diabo, Machado de Assis parece profético. Nele, satanás afirma:

"Se você pode vender tua casa que é externa a você, então, pode vender teu voto e tua fé que estão dentro de si".

A religião do século XXI

A Religião do Século XXI

Por João Luiz Mauad

Ambientalistas saúdam um tempo em que:

A mortalidade infantil era de 80%? Quatro crianças em cinco morriam antes dos cinco anos? Ou quando a expectativa média de vida era de 30 anos?

Acusam-me!

Acusam-me!

Por Percival Puggina

Acusam-me de ser: racista, porque sou branco; machista, por ser contra o aborto; fundamentalista, por sustentar que estado laico não é o mesmo que estado ateu; falso católico, por mostrar os desvios da CNBB; e mais.

Lógica da mistificação, ou: O chicote da Tiazinha

Diálogo

Por Olavo de Carvalho

Se a comunicação informal dominasse todos os setores, a sociedade entraria em colapso. Exemplo: a medida que a linguagem informal invade os domínios superiores da sociedade política, o senso das responsabilidades vai desaparecendo.

Partir é viver… ou morrer um pouco!

Abraham Solomon

Por Benoît Bemelmans

Neste artigo, Bemelmans comenta quadro de Abraham Solomon, que retrata a partida da mala postal de Biarritz (País Basco francês). A obra expõe que a vida há um século ou pouco mais era tranquila, alegre, interessante e harmoniosa.

True Outspeak: Família, liberdade e opressão

True Outspeak

Por Olavo de Carvalho

O incentivo à liberdade pessoal total, sobretudo à liberdade sexual, sempre está associada com ideologias tirânicas, as quais prometem uma certa liberdade sem limites, - muitas pessoas vão atrás disso como crianças, e deixam-se manipular.