Postagens da categoria: Filosofia e História

Os meninos se matam

Suicídio

Por

Matou-se porque se deixou convencer de que não existe na vida e no mundo lugar para a dor. Matou-se porque lhe disseram que o mundo não concede matrícula aos que choram. Contudo, há lugar, um enorme lugar para a dor.

Você mataria Beethoven!

Por Revista Catolicismo

Você é o médico de uma família em que o pai é sifilítico, o primeiro filho é cego, o segundo nasceu aleijado, o terceiro tuberculoso, o quarto oligofrênico. A mãe, novamente grávida, lhe clama pela realização do aborto.

Deus, a verdade e o homem

Por

Não é espantoso observar que as filosofias modernas, ainda que prometam a liberdade, neguem o indivíduo? Ao perder a fé em Deus e Jesus Cristo, o Ocidente não está apenas se degenerando. Está literalmente enlouquecendo.

Isso é civilização?

Por

Se a ideologia atéia propôs, algum dia, uma civilização, o máximo que se pode recordar é da União Soviética e demais países socialistas, onde o ateísmo era oficial, junto com a onipotência do Estado. Sem Deus, tudo é permitido.

Sociedade justa

Por Olavo de Carvalho

Os atributos de justiça e injustiça só se aplicam aos entes concretos capazes de atuar. Um ser humano pode atuar, uma empresa pode atuar, um grupo político pode atuar, mas “a sociedade”, como um todo, não pode.

A deusa ciência

Por

O ideal científico tomou conta da mente ocidental e tornou-se o tesouro maior da civilização, tudo, em seu nome, passou a ser permitido. O famoso experimento do Dr. Stanley Milgram (1933 - 1984) é um exemplo Infausto de tal fato.

Mentiras sinceras me interessam

Por

Le U. Knight, um dos fundadores do amistoso Movimento da Extinção Humana Voluntária (VHEMT), conscienciosamente prega o homeopático desaparecimento da raça humana, para o bem do planeta e das capivaras.

Desmistificando a democracia

Por

Não devemos nos iludir: uma nação é livre não porque elege os seus representantes pelo voto direto, mas porque os direitos naturais universais dos seus indivíduos – vida, liberdade e propriedade - estão todos devidamente protegidos.

Liiceanu e a catarse cultural brasileira

Por

Após décadas mergulhada em sono hipnótico, a inteligência brasileira dá mostras de estar voltando a requerer o domínio de si mesma. E, como era estuprada enquanto dormia, surge o ódio contra o violentador, de que Liiceanu fala.

O tigre de papel

Por

Multidões de analfabetos funcionais lotam os bancos universitários e ganham seus canudos sem nunca terem lido um livro inteiro. A mesma idolatria pelo papel explica sermos um dos países em que é mais difícil conseguir habilitação para dirigir.

Edward Bernays e o controle da opinião pública

Por

Estando o público distanciado dos eventos reais, a imagem dos fatos é passada por meio da mídia. “O único sentimento que alguém pode ter acerca de um evento que ele não vivenciou é provocado pela imagem mental.”, diz Lippmann.

O valor de uma “curtida”

Por

Erra quem entende que a popularização das mídias sociais se deu única e principalmente por causa do desejo das pessoas de serem reconhecidas. Há muito mais envolvido nisso. Boa parte dos usuários parece ser de gente sem pretensões de sucesso.

Faça downloads de livros, imagens, áudios e de outros artefatos.


Clique aqui e conheça a nova seção da Culturateca.