Bondade Divina

Queremos, na verdade, não tanto um Pai Celestial, mas um avô celestial – uma benevolência senil, e cujo plano para o universo fosse simplesmente que se pudesse afirmar no fim de cada dia: “todos aproveitaram muito”. Leia mais...

“O silêncio não vai ajudar a Igreja”, diz padre Paulo Ricardo

“Hoje eu vejo que não nasci para ser bispo. Que nasci para ser pai de bispo, ou seja, formar uma geração de novos padres e, um dia, um deles será bispo”. Leia mais...

O espectro do cientificismo

O método científico nos legou um certo poder sobre os caprichos brutais da natureza. Um efeito colateral destas conquistas foi que alguns começaram a tratar as ciências empíricas como a única forma de raciocínio verdadeiro. Leia mais...

Existe vida após o parto?

No ventre de uma mãe havia dois bebês. Um perguntou ao outro: “Você acredita em vida após o parto?” Um deles respondeu: “Ninguém voltou de lá, no pós-parto não há nada além de escuridão, silêncio e esquecimento! Ele não nos leva a lugar nenhum.” Leia mais...

Besta ou obra-prima: o que significa ser Humano?

Nós somos aficionados por direitos humanos, nós concedemos prêmios Nobel para celebrá-los, mas há uma questão fundamental que por vezes é negligenciada. Onde encontramos esses direitos, essa dignidade que os humanos possuem? Leia mais...

O que é cultura?

Cultura não pode ser resumida como um conjunto de hábitos. Se assim fosse, não poderíamos qualificar povos como cultos ou incultos. Leia mais...

Nazismo e comunismo, irmãos gêmeos

Ambos são totalitários, ambos afirmam a prevalência do Estado sobre a sociedade, ambos são anticapitalistas e contra o livre mercado, ambos se opõem ao conservadorismo e ao liberalismo. Firmaram acordos, até que, ocorreram conflitos geopolíticos. Leia mais...

Nada além de sangue e ossos?

Se o robô Robbie se comporta exatamente como uma consciência inteligente, quem poderá dizer que ele não é uma consciência inteligente? Eu e você apreciamos algo além de algum análogo à programação e aos processadores de Robbie? Leia mais...

Loucos (ou desequilibrados) pela razão

Na obra Ortodoxia, o autor, G. K. Chesterton, explica: “a mente de um louco é rápida, pois não é embaraçada pelo senso de humor, pela caridade ou pelas certezas das experiências. É mais lógica por perder certos afetos da sanidade”. Leia mais...

Que surgiu primeiro, a mente ou a matéria?

“O motor de um foguete não é originário de um motor mais primitivo, mas de algo muito mais perfeito que ele próprio e muito mais complexo, é originário da mente de um homem, e um homem genial.”, C. S. Lewis (1898 – 1963). Leia mais...

 

A abolição do homem

Por C. S. Lewis

Sentimentos que fazem alguém chamar um objeto de sublime não são sentimentos sublimes, mas sentimentos de veneração. Se sublime tiver de ser reduzido a uma afirmação sobre sentimentos de quem fala, seria apropriado dizer: "tenho sentimentos humildes".

Trump eleito. E você, triste?

Por Colombo Mendes

Você é um grande crítico, é uma pessoa cujos sentimentos merecem atenção? Contudo, quando se fala em política, em decisões que afetam a vida de bilhões de pessoas, quem prioriza sentimentos não merece mais do que uma chupeta.

Convite para o enterro da morte

Por Elben César

Agradeço sinceramente a todos que vieram ao meu sepultamento hoje pela manhã: parentes, companheiros de fé e amigos. Vocês foram muitos atenciosos comigo e com minha família. Deus os abençoe. Aproveito para fazer um convite muito solene...

A tática do Papa-léguas

Por Geisler & Turek

“Toda verdade é relativa", (essa verdade é relativa?); “Não existem absolutos”, (você está absolutamente certo disso?); “É verdade para você, mas não para mim!”, (essa afirmação é verdadeira apenas para você ou para todo o mundo?).

Quem ou o que causou Deus?

Por Millard Erickson

Há algo de errado com a pergunta “Quem ou o que deu causa a Deus?”.

É um erro de categoria perguntar o que deu causa à Causa Primeira, pois, neste caso, ela não seria a primeira.

A carta

Por Benoît Bemelmans

Neste artigo, Bemelmans comenta quadro do pintor francês Henri Brispot (1846-1928), que retrata um cardeal romano lendo uma carta, enquanto numa atitude respeitosa o frade franciscano que a trouxe espera uma resposta.

Qual a sua cosmovisão?

Por Thiago McHertt

Todos temos uma cosmovisão, ainda que, conforme diz Sire, isso seja inconsciente. Por meio do gráfico exposto neste artigo é possível reconhecer algumas das principais cosmovisões partindo do conceito da existência de Deus.

De Bobbio a Bernanos

Por Olavo de Carvalho

Há boas razões para duvidar que “mais democracia” seja ainda democracia, - ao contrário de um pão, ela não cresce sem perder homogeneidade: à medida que ela se expande sua natureza vai mudando até converter-se no contrário.

Na igreja do diabo

Por

No conto A igreja do diabo, Machado de Assis parece profético. Nele, satanás afirma:

"Se você pode vender tua casa que é externa a você, então, pode vender teu voto e tua fé que estão dentro de si".

A religião do século XXI

Por João Luiz Mauad

Ambientalistas saúdam um tempo em que:

A mortalidade infantil era de 80%? Quatro crianças em cinco morriam antes dos cinco anos? Ou quando a expectativa média de vida era de 30 anos?

Acusam-me!

Por

Acusam-me de ser: racista, porque sou branco; machista, por ser contra o aborto; fundamentalista, por sustentar que estado laico não é o mesmo que estado ateu; falso católico, por mostrar os desvios da CNBB; e mais.

Lógica da mistificação, ou: O chicote da Tiazinha

Por Olavo de Carvalho

Se a comunicação informal dominasse todos os setores, a sociedade entraria em colapso. Exemplo: a medida que a linguagem informal invade os domínios superiores da sociedade política, o senso das responsabilidades vai desaparecendo.

Faça downloads de livros, imagens, áudios e de outros artefatos.


Clique aqui e conheça a nova seção da Culturateca.