Tag Archives: Excerto de Livro

O que é uma suma?

Por Carlos Arthur Ribeiro do Nascimento.

A palavra “suma” pode ser aplicada a tipos diferentes de obras, visando caráter de antologia, compilação, enciclopédia ou resumo. O tipo comumente mais acabado é caracterizado por três aspectos, todos descritos nesta postagem.

Fiódor Dostoiévski por William Lane Craig

Por William Lane Craig

Algumas pessoas têm a impressão de que o grande escritor do século XIX, Fiódor Dostoiévski, era ateu. Na verdade, ele procurou fazer a defesa do teísmo em face do problema do mal, problema que torturou Dostoiévski!

Qual é a natureza da liberdade humana?

Por Battista Mondin

Não há liberdade sem razão, como não há liberdade sem vontade. A vontade é apetite racional, isto é, um apetite guiado pela razão. Se não houver orientação da razão, não há liberdade e nem vontade, mas simplesmente instinto.

Catedráticos e homens pré-históricos

Por G. K. Chesterton

Um inventor pode avançar passo a passo na construção de um aeroplano, mesmo que esteja fazendo experiências com paus e peças metálicas no fundo do quintal. Mas, ele não consegue observar a evolução das espécies.

As biografias de Jesus foram preservadas?

Por Lee Strobel

Quando soube que não havia nenhum exemplar original do Novo Testamento, fiquei muito cético. Se tudo que temos são cópias, pensei, como ter certeza de que o Novo Testamento que temos hoje é, no mínimo, semelhante aos originais?

Educação ao contrário

Por Olavo de Carvalho

Ninguém pode “dar” educação a ninguém.

Educação é uma conquista pessoal, e só se obtém quando o impulso para ela é sincero, vem do fundo da alma e não de uma obrigação imposta de fora.

Credo de Dom Quixote

Por Mário Ferreira dos Santos

Creio na necessidade do mal para maior glória do Bem.

Creio na noite para maior glória do Sol, e no Sol para maior glória da Lua, inseparáveis amigos e confidentes dos campeadores do ideal.

O verdadeiro, o bom e o belo

Por Roger Scruton

Aquele que pergunta “por que acreditar no que é verdadeiro” ou “por que desejar o que é bom”, foi incapaz de compreender a natureza do raciocínio. Justificamos crenças e desejos ancorando nossa razão no verdadeiro e no bom.

A onipotência divina

Por C. S. Lewis

Onipotência significa poder para fazer tudo que é intrinsecamente possível, e não para fazer o que é intrinsecamente impossível. É possível atribuir-lhe milagres, mas não tolices. Isto não é um limite ao seu poder.

Tremendas trivialidades

Por G. K. Chesterton

Assim é a história de Pedro e Paulo, que contém todas as qualidades de um conto de fadas moderno, inclusive a de ser totalmente imprópria para crianças. É propositalmente cheia de sutileza e segundas intenções.

A infinitude

Por Mortimer J. Adler

Segundo Aristóteles, pode haver unidades de matérias muito pequenas, mas, por menores que sejam, podem ser divididas em partículas ainda menores, desde que cada uma seja uma unidade de matéria – uma e continua.

Mentiras gays

Por Olavo de Carvalho

O homossexualismo não é uma necessidade de maneira alguma, mas apenas um desejo. A supressão total da homossexualidade produziria muita insatisfação em certas pessoas; a da heterossexualidade traria a extinção da espécie.