Postagens da categoria: Filosofia e História

Doentes pacientes; pecadores impacientes

Por

Se você diz que vai curar um devasso como se cura um asmático, respondo: “Apresente pessoas que querem ser asmáticas uma vez que muitas querem ser devassas”. Alguém inerte poderá ser curado de uma gripe, mas não de um pecado.

A inversão revolucionária em ação

Por Olavo de Carvalho

A mentalidade revolucionária não consiste na adesão a esta ou àquela proposta político-social concreta, mas numa certa estrutura de apreensão da realidade, caracterizada pela inversão da ordem temporal e causal, daí decorrem outras inversões.

Receita para o caos

Por

A ideia de que um tribunal deveria sentir-se competente para dividir as crenças entre prejudiciais e não prejudiciais a uma sociedade democrática é absurda, pois equivale ao licenciamento virtual ou certificação de crenças.

Multiculturalismo ou apropriação cultural?

Por

O policiamento da apropriação cultural rapidamente cai por terra. Exemplificando, estudantes declararam que brincos de argola não deveriam ser usados por mulheres brancas. Mas como é possível determinar os tamanhos e as formas das joias aceitáveis?

Saber e viver

Por Olavo de Carvalho

No período grego as escolas de filosofia não eram apenas centros de ensino e investigação científicos. Buscavam que seus membros tivessem uma consciência filosófica, que fosse a maneira certa de viver.

Sobre o evolucionismo

Por

Já possuímos estrutura suficiente para pesquisas científicas em laboratórios de biologia molecular das quais os resultados demonstram que, no campo da ciência específica, dita biológicas, é impossível que haja evolução.

Para se falar sobre o aborto

Por

A mulher tem direitos sobre seu próprio corpo, mas não tem direitos sobre o corpo do outro ser humano que está dentro dela. Crianças estão abandonadas por causa da promiscuidade sexual, e não por precárias condições financeiras.

Loucura e Sociedade

Por

Os italianos preservaram uma cultura familiar e de responsabilidade que reduz severamente a manifestação de comportamento patológico e impõe um padrão de dignidade que incentiva viciados e doentes mentais a participarem da sociedade.

O espectro do cientificismo

Por

O método científico nos legou um certo poder sobre os caprichos brutais da natureza. Um efeito colateral destas conquistas foi que alguns começaram a tratar as ciências empíricas como a única forma de raciocínio verdadeiro.

O “especismo” abre as portas para a discriminação

Por

Peter Singer defendeu no Journal of Pratical Ethics que pessoas com deficiências cognitivas e de desenvolvimento graves possuem menos valor do que animais com maiores capacidades, concluindo que podemos tratá-los conforme essa diferença.

Por baixo da mesa

Por Olavo de Carvalho

O projeto multiculturalista se estrangula a si próprio no bercinho. Se alguém consegue saltar por cima das fronteiras culturais, é porque há uma verdade acima de todas elas e essa verdade é acessível à inteligência humana.

Precauções saudáveis

Por Olavo de Carvalho

Suspeite daquilo que venha rotulado como consenso da opinião mundial, aprovado unanimemente por vários governos, pelos organismos internacionais, pela grande mídia, pela indústria do show business e intelectuais públicos em moda.